quarta-feira, 6 de abril de 2011

Quero ter coragem.


Quero ter coragem de dizer tudo que sinto, de desabafar, enfim, de me declarar. Quero ter coragem pra dizer, que quando eu vou dormir, penso em você, imagino nós dois juntos, quero dizer, que em pouco tempo que te conheci, eu me impressionei, com o seu modo de falar, de como você me acolhe, me faz rir, de como você combina perfeitamente comigo, de como nós dois somos perfeitos um para o outro. Desde que eu te conheci, sabia que eu ia me apaixonar, sabia que eu ia, ficar completamente apaixonada pelo seu sorriso, pelo seu olhar. Fico me perguntando se só eu sinto isso, se só eu sinto o que eu sinto tudo por você. Fico me perguntando às vezes, se não sou tola, se não sou burra, de achar que alguém como você, iria se apaixonar por mim. Sinceramente, eu não sei. Você não demonstra nenhum tipo de interesse, mas também, não demonstra indiferença. Você me enlouquece. Me deixa confusa, iludida. Me deixa sem palavras, mas ao mesmo tempo, eu quero dizer tudo que está aqui dentro de mim. 
Se pelo menos você visse que eu gosto de você. Se pelo menos você se perguntasse, se pelo menos você se interessasse...
Eu não estaria escrevendo isso agora. Eu estaria falando tudo isso, nesse momento para você. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário