quarta-feira, 9 de março de 2011

No encontro...


... De alguém especial, a timidez nos domina, as palavras não saem, e quando saem, são incompreensíveis, perdemos o fôlego e nosso coração bate mais rápido. Nossas pupilas se dilatam, nosso corpo amolece, nossas bochechas se avermelham e os nossos olhos brilham. Por que? Tudo por causa do amor, do sentimento mais incompreendido. Um sentimento livre de impuresas, e às vezes, não tão sóbreo. Ah, o amor... Seria tão bom se todos fossem correspondidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário